Local responses to a global invasive species. Varying reasons to control the Argentine ant on the Madeira archipelago (1850-2014)

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

2 Citations (Scopus)
1 Downloads (Pure)

Abstract

A formiga argentina (Linepithema humile Mayr) é identificada na Madeira em meados do século XIX, sendo este o seu primeiro registo fora da região Neotropical, de onde é originária. Ideias e respostas aos impactos desta espécie invasora constituem o argumento desta narrativa histórica, baseada em publicações científicas, livros de viagens e diários, documentos oficiais e notícias de jornais da época. Diferentes razões fundamentaram a tomada de medidas de controlo em diferentes episódios da praga. Esta espécie foi percecionada como uma praga urbana e uma praga agrícola durante um vasto período. Recentemente, ao nível local, ela é considerada uma ameaça para a biodiversidade nativa.
Original languageEnglish
Pages (from-to)72–92
Number of pages20
JournalE-Journal of Portuguese History
Volume14
Issue number2
Publication statusPublished - 2016

Keywords

  • História
  • História Ambiental
  • Espécies invasoras
  • History
  • Environmental History
  • Invasive Species
  • Argentine Ant

Fingerprint Dive into the research topics of 'Local responses to a global invasive species. Varying reasons to control the Argentine ant on the Madeira archipelago (1850-2014)'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this