No espaço entre o Eu e os Outros: A ética como horizonte

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

Abstract

O presente texto teve por base a Conferência proferida nas XV Jornadas da Prática Profissional – “Ética e Educação”, na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém (Junho de 2011). Pretende-se, aqui, defender a ideia da ética enquanto horizonte de desenvolvimento da pessoa; desenvolvimento esse que, pensado à luz do paradigma da complexidade, é visto nainterdependênciaecomplementaridade. Ser em relação(de uns com outros) é conviver com interesses e necessidades diferenciados, no confronto de perspectivas, vontades e expectativas; é acreditar, reconhecer e mobilizar as capacidades de cada um em vista ao desenvolvimento de todos. Se o objetivo da Educação é o desenvolvimento, então importa aferir o sentido em que o caminho será percorrido. Na nossa afirmação da ética como horizonte queremos sugerir uma direção e um sentido.
Original languageUnknown
Pages (from-to)56-67
JournalInteracções
Volume21
Issue numberNA
Publication statusPublished - 1 Jan 2012

Cite this