Para uma leitura ‘miguelista’ de Os Fidalgos da Casa Mourisca (1872), de Júlio Dinis (1839-1871)

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

1 Downloads (Pure)

Abstract

Não sendo, obviamente, termos, conceitos e realidades históricos sinonímicos, o presente ensaio associa, de algum modo, "absolutismo" e "miguelismo" por oposição ou contraposição comum a um "liberalismo" político apenas estabilizado em meados do século XIX, não sem hesitações, dificuldades e erros de percurso. O nosso objectivo será abordar alguns traços, sinais e vestígios do tempo de D. Miguel na representação romanesca de Os Fidalgos da Casa Mourisca (1872) de Júlio Dinis (1839-1871), nascido no Porto em pleno Setembrismo.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)77-95
Number of pages18
JournalGaudium Sciendi
Issue number17
DOIs
Publication statusPublished - Dec 2019

Keywords

  • Júlio Dinis
  • Os Fidalgos da Casa Mourisca
  • Miguelismo

Cite this